segunda-feira, 24 de maio de 2010

Moelas à Toni

Decidi-me a fazer um petisco para o jantar.
Como compro poucas quantidades de tudo, e não fui às compras no fim de semana, deparei-me com um frigorifico e dispensa vazios. Encontrei umas moelas no congelador (dentro do prazo, claro) e resolvi-me fazer à estrada.
Como não tenho panela de pressão (confesso que não tenho muito jeito para trabalhar com a panela de pressão. Primeiro intimida-me e segundo, nunca consigo atinar com os tempos de cozedura) percebi rapidamente que tinha de começar a trabalhar as moelas, cedo, mas antes de começar, tenho a dizer que a recita não é minha. Copiei-a de um blog na net e fiz umas alterações.

Ora então:

1 kg de moelas
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
2 folhas de louro
1 lata pequena de tomate pelado
2 minis
1 copo de água
100g de chouriço ou bacon aos quadradinhos
azeite (para refogar)

O truque, para quem não tem panela de pressão, é cozer as moelas durante muito tempo em lume brando. Posso dizer que hoje as moelas ficaram  mais ou menos 2 horas ao lume brando.
Mas voltando à receita:
Lava-se muito bem as moelas e tira-se toda a gordura. Reserva.
Pica-se uma cebola bem picadinha e com o azeite começa a fazer o refogado. Quando a cebola tiver com um aspecto transparente, junta-se os 2 dentes de alho picados com as folhas de louro.
Deixa-se a coisa estar ali um pouco até ganhar uma corzita.
Depois junta-se o tomate pelado esmagado com as mãos e os líquidos... as duas bojecas e o copo de água.
Coloca o tacho num bico pequeno, leva o lume baixo e deixa cozer até a molhanga reduzir e ficar com um aspecto guloso.
Como o lume é brando, a redução do molho deve demorar umas duas horas... o tempo suficiente para quebrar a dureza das moelas.

E pronto. Posso dizer que o cheirinho do cozinhado começa bem cedo a invadir a casa, abrindo o apetite para um belo repasto.

1 comentário:

  1. Eh pá até agora 3 pratos que adoro!
    Fico à espera dos próximos.

    :o)

    ResponderEliminar